A Importância dos Sítios Para o Desenvolvimento de Rancho Queimado

A Importância dos Sítios Para o Desenvolvimento de Rancho Queimado

Entendendo como a presença das casas de segunda residência e seus proprietários são importantes para o processo de desenvolvimento local da cidade de Rancho Queimado.

Até o final da década de 1980, a cidade de Rancho Queimado tinha como principal atividade econômica a agricultura de subsistência. Seus indicadores de desenvolvimento configuravam entre os menores de Santa Catarina e a região sofria com o êxodo rural. Diante deste cenário deprimente, favoreceu-se uma nova lógica: o crescimento setorial agrícola voltado à monocultura do morango e, principalmente, o turismo rural como vetor para o desenvolvimento local. Foi essa pluriatividade a via que se impôs como a solução para a crise agrícola que até então existia.

Não obstante, foi também a partir desse período que Rancho Queimado observou o fenômeno de expansão das casas de segunda residência, implicando uma mudança paisagística em seus territórios, com a instalação de sítios e condomínios rurais. Seus proprietários introduziram um novo ordenamento social na cidade, a partir do momento em que suas residências secundárias começaram a ser utilizadas para fins recreativos e de lazer. Ademais, o fenômeno de expansão de casas de segunda residência em Rancho Queimado elevou o status quo da própria cidade, ao observarmos que o “sonho de uma casa em Rancho Queimado” é amplamente difundido pela região metropolitana de Florianópolis.

O eventual efeito positivo sobre a economia local manifestou-se, principalmente, em dois planos:
1- o consumo de produtos relacionados com a estadia (em especial o ramo alimentar) e a procura de serviços (como por exemplo, a restauração e outros relacionados com a manutenção da casa e dos espaços externos), expandindo e qualificando a oferta de comércios e de serviços aptos a responderem à demanda das necessidades advindas com o aumento de propriedades de segunda residência.
2- expansão do mercado imobiliário, com a valorização de terras antes pouco lucrativas, além da especialização de serviços na área de construção civil e seus derivados.

O turismo de segunda residência de Rancho Queimado nos revela um novo ordenamento territorial e social, sendo um dos principais fatores para o próprio desenvolvimento da cidade, gerando renda e empregos diretos e indiretos, criando laços e vínculos entre os proprietários de sítios e os moradores locais, entre outros.

Apesar das inúmeras dificuldades que o aumento de casas de segunda residência pode causar ao planejamento do território, em especial em áreas de elevada atratividade como a ocorrida em Rancho Queimado, a casa de sítio aparece igualmente, em certos casos, associada a dinâmicas territoriais de preservação e de valorização de recursos ligados ao patrimônio e a paisagem cultural, além de configurar em novas formas de ruralidades já muito bem experimentadas pelo município. Em resposta, o movimento local também fortalece suas práticas e culturas locais.

Atrativos turísticos do município de Rancho Queimado: Mirante da Boa Vista (1.200m), Portal Turístico, Monumento ao Tropeiro, Tropeada (Festa do Tropeiro) e Museu Casa de Campo Governador Hercílio Luz . (BAUER; SOHN, 2018)

Jonei Bauer
O texto acima é de inteira responsabilidade de Jonei Bauer, não expressando necessariamente a opinião do Portal do Rancho. Saiba mais sobre o autor.

Posts Relacionados

Deixe seu comentário » ()