carregando...
Portal do Rancho

O Portal do Rancho é uma iniciativa independente de Jonei Bauer e Saty Jardim. As opiniões nos textos são de inteira responsabilidade dos colunistas.

Siga-nos

Kiwi e os benefícios para a saúde

Kiwi e os benefícios para a saúde

kiwi, quivi ou quiuí é uma fruta nativa da China, que faz parte da família Actinidiaceae. Atualmente é cultivado em diversos países, como Itália, Nova Zelândia, Chile, Grécia, França, Japão, Estados Unidos e Brasil. Com sabor refrescante único, o kiwi é reconhecido por seus benefícios para a saúde, pois trazem inúmeras vitaminas, flavonoides e minerais.

Além disso, o kiwi é conhecido por ter uma alta concentração de vitamina C, que é um antioxidante potente que ajuda a combater o estresse oxidativo no corpo e fortalecer o sistema imunológico. Além disso, o kiwi contém fibras solúveis e insolúveis, que ajudam a promover a saúde digestiva e reduzir o risco de doenças crônicas, como doenças cardíacas e diabetes.

kiwi também é muito utilizado na culinária, sobretudo para preparar saborosas compotas, saladas de fruta, bolos e também para receitas salgadas à base de carne ou peixe.

Se você está procurando uma maneira fácil e deliciosa de melhorar sua saúde, o kiwi pode ser a escolha perfeita para você. Continue lendo para descobrir mais sobre os benefícios do kiwi para a saúde e como incorporá-lo em sua dieta diária.

A origem do kiwi

O kiwi é uma fruta originária da China, onde era coletada da natureza e consumida apenas pelos nativos. Em 1904 foi introduzida na Nova Zelândia, onde ganhou o nome de kiwi, em homenagem ao pássaro nativo do país, que tem uma aparência semelhante à fruta.

No entanto, foi somente na década de 1930 que foi estabelecido o primeiro pomar com fim comercial, enquanto as exportações do fruto começaram em 1953. Em 1960 a fruta se tornou popular e começou a ser cultivada também na Itália. Como resultado, a produção e o consumo de kiwi se espalharam pelo mundo, incluindo países como Chile, Grécia, Estados Unidos e Brasil.

Hoje em dia, o kiwi é considerado uma das frutas mais populares e nutritivas do mundo, graças ao seu sabor doce e azedo, além de ser rico em vitaminas, minerais e antioxidantes. Além disso, existem diversas variedades de kiwi, cada uma com suas características únicas de sabor, textura e cor.

A história do kiwi no Brasil

O kiwi foi introduzido no Brasil no início da década de 70, com sementes provenientes da França e mudas da Nova Zelândia. Contudo, foi somente nos anos 80 que a fruta despertou interesse comercial, com a primeira colheita ocorrendo em Farroupilha/RS (1989). Hoje a produção se concentra principalmente na região Sul, com destaque para Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Entretanto, em algumas regiões, a produção tem sido afetada por uma doença causada por um fungo (Ceratocystis fimbriata).

No ano de 2019, mais de 26 mil toneladas de kiwi foram comercializadas nas principais centrais de abastecimento do país. Ou seja, por ser uma planta típica de clima temperado, a cultura do kiwi tem despertado cada vez mais interesse no Sul do Brasil e já está presente em Rancho Queimado.

Principais curiosidades sobre o Kiwi

  • O kiwi é originário da China, mas foi cultivado comercialmente pela primeira vez na Nova Zelândia;
  • Em segundo lugar, é uma fruta de baixa caloria, com cerca de 60 kcal por 100g;
  • Os kiwis são uma excelente fonte de vitamina C, contendo mais do que a laranja;
  • A casca do kiwi é comestível e contém ainda mais nutrientes do que a polpa;
  • Existem mais de 60 variedades de kiwi;
  • Contém actinidina (uma enzima que ajuda a quebrar as proteínas dos alimentos);
  • Os kiwis são uma boa fonte de potássio, que pode ajudar a diminuir a pressão arterial;
  • Possui mais de 20 vitaminas e minerais, sendo uma das frutas mais nutritivas que se pode encontrar;
  • É uma fonte natural de folato (especialmente importante para gestantes!);
  • Muito rico em antioxidantes, que protegem o organismo dos radicais livres;
  • Por último, os kiwis são ricos em fibras e podem ajudar na digestão.

Kiwi e suas diferentes variedades

O kiwi, como já falamos, é uma fruta originária da China, e existem diversas variedades que podem ser encontradas em diferentes partes do mundo. No entanto, a variedade mais comum, sem dúvidas, é o kiwi verde, que possui uma casca marrom e uma polpa verde com sementes pretas pequenas. Esse tipo de kiwi é rico em vitamina C, fibras e antioxidantes. A variedade de kiwi verde (Actinidia deliciosa) possui diversas cultivares, entre elas a Bruno, Hayward, Monty e Elmwood.

Diferentes variedades de Kiwi
Variedades de kiwi: Amarelo e Verde

Outra variedade menos comum é o kiwi gold, que possui uma casca dourada sem pelos e uma polpa amarela. Essa variedade é mais doce que o kiwi verde comum e tem menos acidez. Além disso, o kiwi gold também contém vitamina E, que é um antioxidante que ajuda a proteger as células do corpo contra danos causados pelos radicais livres. O kiwi amarelo (Actinidia chinensis) conta com cultivares como a Sorelli, Yellow Queen e Golden King.

Por fim, há o kiwi vermelho, que tem uma polpa avermelhada no centro da fruta. Essa variedade é muito rara, mas é reconhecida por ser especialmente rica em antioxidantes, incluindo vitamina C e carotenoides. O kiwi vermelho é geralmente considerado o mais doce e saboroso das três variedades.

Os valores nutricionais do kiwi

O kiwi é uma fruta conhecida por seu sabor doce e ácido, além de sua aparência exótica. Mas além disso, o kiwi também possui muitos benefícios nutricionais. Confira abaixo a tabela nutricional completa desta fruta deliciosa.

Valores nutricionais (Porção de 100g)Kiwi verdeKiwi amarelo
Água84,6 g83,1 g*
Valor Energético60 kcal = 251 kJ61,7 kcal = 258 kJ
Proteína1,35 g1,2 g
Lipídios0,52 g0,6
Colesterol00
Carboidrato14,8 g16 g
Açúcares solúveis8,8 g12,3 g
Álcool00
Fibra Total2,7 g2,2 g
Fibra Solúvel0,95 g0,78
Fibra insolúvel1,75 g1,42
Sódio5 mg5 mg*
Potássio312 mcg314 mcg
Cálcio33 mg17 mg
Magnésio12 mg12 mg*
Fósforo70 mg*70 mg*
Ferro0,5 mg0,31 mg*
Tiamina (vitamina B1)0,02 mg0,027 mg*
Riboflavina (vitamina B2)0,05 mg0,045 mg*
Niacina (vitamina B3)0,4 mg0,34 mg*
Colina (vitamina B8)7,8 mg7,8 mg*
Vitamina C92,6 mg161,3 mg
Vitamina A22,9 UI22,9 UI
vitamina K40 µg53 µg
Vitamina E2,52 mg1,46 mg*
Folato/Ácido fólico (vitamina B9)37,8 µg30,8 µg
Fonte: Create Foods Nutrition, Consiglio per la ricerca in agricoltura e l’analisi dell’economia agraria, United States Department of Agriculture / * Poucos dados disponíveis sobre esse valor nutricional

Conheça as propriedades do kiwi

O kiwi é uma fruta que além de saborosa, é também rica em nutrientes. Entre eles, destacam-se as vitaminas e minerais que são essenciais para o bom funcionamento do nosso organismo. Ou seja, com sua polpa suculentas, o kiwi é uma fonte natural de nutrientes importantes para a saúde, o que o torna uma excelente opção para quem busca uma alimentação equilibrada e saudável. A seguir, vamos abordar cada uma das propriedades do kiwi e seus benefícios para a saúde.

Fibras

O kiwi é uma excelente fonte de fibras alimentares, com quase 3% de sua polpa composta por fibras solúveis e insolúveis. Essas fibras não são digeridas no intestino e chegam ao cólon, onde promovem o crescimento de bactérias benéficas e reduzem o risco de câncer colorretal. Além disso, a ingestão adequada de fibras ajuda na sensação de saciedade, melhora o trânsito intestinal e reduz a absorção de açúcares simples e gorduras, incluindo o colesterol.

As propriedades laxativas das fibras presentes no kiwi são muito úteis para aliviar a prisão de ventre. Além disso, as fibras solúveis e insolúveis do kiwi ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue e colesterol. Consumir kiwi é uma maneira saborosa de obter fibras suficientes em sua dieta diária e colher seus benefícios para a saúde.

Vitamina C

O kiwi é uma fruta excepcionalmente rica em vitamina C (ácido ascórbico), um nutriente essencial para o funcionamento saudável do corpo. A vitamina C é um antioxidante poderoso que ajuda a proteger as células dos danos oxidativos e a impulsionar a função imunológica. Estudos mostram que comer kiwi pode ajudar a atingir níveis ótimos de vitamina C no sangue. Com apenas um kiwi por dia já sendo suficiente para atingir níveis “saudáveis”, enquanto dois kiwis por dia fornecem 150% da dose diária recomendada.

Os kiwis contêm mais vitamina C do que as laranjas e conseguem conservar elevadas quantidades graças à casca exterior robusta e à clorofila da polpa. Manter os níveis ideais de vitamina C é fundamental para a função imunológica e absorção do Ferro, e comer alimentos ricos em vitamina C, como kiwis, pode ajudar a promover a imunidade. Além disso, a biodisponibilidade da vitamina C nos kiwis é a mesma dos suplementos, tornando os kiwis uma excelente alternativa.

Vitamina K

Uma das vantagens do kiwi é que ele é uma ótima fonte de vitamina K, um nutriente essencial para o nosso corpo. A vitamina K presente no kiwi pode ajudar na coagulação do sangue e na prevenção de problemas ósseos, como a osteoporose. Além disso, ela também pode ter propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, o que pode ajudar a proteger o corpo de danos causados pelos radicais livres. Inclua o kiwi na sua dieta e aproveite os benefícios dessa fruta saborosa e nutritiva!

Vitamina E

O kiwi é uma excelente fonte de vitamina E, um poderoso antioxidante que protege as células do corpo contra danos causados por radicais livres e toxinas ambientais. As sementes de kiwi são particularmente ricas nesta vitamina. Em suma, o consumo regular de kiwi pode contribuir para manter o corpo saudável e protegido contra doenças.

Cobre

O kiwi é uma excelente fonte de cobre, mineral essencial para várias funções do corpo. Ele ajuda a formar a hemoglobina, o que contribui para o transporte de oxigênio pelo sangue. Da mesma forma, desempenha também um papel importante na formação de colágeno e elastina, os principais componentes estruturais do nosso corpo. Além disso, o cobre está presente em diversas enzimas que auxiliam no metabolismo de gorduras e na proteção das células contra o estresse oxidativo.

A deficiência de cobre pode causar problemas como anemia, osteoporose e até mesmo danos ao sistema nervoso. Por isso, é importante incluir fontes de cobre na alimentação, como o kiwi, que é uma opção saudável e deliciosa. Uma única porção de kiwi pode fornecer uma quantidade significativa de cobre para o corpo, contribuindo para a manutenção da saúde em geral.

Folato (vitamina B9)

O folato, também conhecido como vitamina B9, é um nutriente essencial para o bom funcionamento do corpo. Ele ajuda na produção de DNA e RNA, na formação de glóbulos vermelhos e brancos e no uso eficiente de oxigênio e minerais. O kiwi é uma excelente fonte de folato, além de ser uma opção para aqueles que evitam farinha enriquecida com ácido fólico.

No entanto, é importante destacar que o folato não é produzido pelo corpo e não pode ser armazenado em grandes quantidades, por isso é necessário obtê-lo por meio da alimentação. O consumo adequado de ácido fólico é especialmente importante em três fases da vida: gravidez, infância e idade avançada. Portanto, incluir o kiwi fresco na dieta pode ajudar a garantir a ingestão suficiente de folato.

Quercetina

O kiwi é uma excelente fonte de quercetina, uma molécula com ação antioxidante e anti-inflamatória que pode ajudar a prevenir doenças cardíacas e a reduzir a pressão arterial. Além disso, a quercetina pode ter um efeito positivo sobre a saúde cerebral e ser útil no tratamento de alergias e infecções respiratórias.

Luteína

O kiwi é uma ótima fonte de luteína, um carotenóide importante para a saúde ocular. Para resumir, a luteína é um antioxidante que protege os olhos dos raios ultravioletas do sol e contra a luz azul emitida por dispositivos eletrônicos, ajudando a prevenir problemas como catarata e degeneração macular relacionada à idade.

Além disso, estudos sugerem que a luteína também pode ter benefícios para a saúde do coração, pele e sistema nervoso, tornando o kiwi uma excelente escolha para quem busca uma dieta rica em nutrientes.

Actinidina

A Actinidina é uma enzima encontrada em grande quantidade no kiwi. É conhecida por melhorar a digestão das proteínas, quebrando-as em moléculas menores. Ou seja, essa enzima torna as proteínas mais fáceis de serem absorvidas pelo corpo. Isso pode ser especialmente benéfico para pessoas que têm dificuldade em digerir proteínas, como os idosos.

Por outro lado, a Actinidina também pode ser um problema para algumas pessoas. É um dos principais alérgenos encontrados nos kiwis e pode causar reações alérgicas em pessoas sensíveis. Além disso, os sintomas variam de leves a graves, incluindo urticária, inchaço, dificuldade em respirar e, em casos extremos, anafilaxia. É importante lembrar que a alergia ao kiwi é relativamente rara, mas deve ser levada a sério e tratada imediatamente se ocorrer.

Potássio

O kiwi é uma excelente fonte natural de potássio, um mineral essencial para o corpo humano. Ele ajuda a manter a pressão arterial normal, controla a saúde do coração e a função dos músculos e do sistema nervoso.

Além disso, o kiwi é uma alternativa saudável às bananas para quem procura uma fruta rica em potássio. Combinado com outros alimentos ricos em potássio, como vegetais verdes e cereais integrais, o kiwi pode ajudar a manter um estilo de vida ativo e saudável.

Ômega 3

As sementes do kiwi são uma fonte natural de ácido alfa-linoleico (ômega 3), que pode ajudar a prevenir doenças cardiovasculares. Esse ácido graxo essencial é conhecido por seus efeitos anti-inflamatórios e pode ajudar a manter a saúde do coração e do sistema circulatório.

Kiwi é uma fruta rica em nutrientes
Kiwi: Uma fruta rica em nutrientes

Os benefícios do kiwi para a saúde

O kiwi é uma fruta pequena, mas completa em nutrientes e benefícios para a saúde. Desde a sua origem na China até a sua introdução em outros países, incluindo o Brasil, o kiwi tem sido utilizado como alimento e como medicamento natural. Posteriormente, com o passar dos anos, muitos estudos científicos foram realizados para avaliar as propriedades nutricionais do kiwi e seus benefícios para a saúde humana, e os resultados são surpreendentes. Logo abaixo, vamos explorar cada um dos benefícios que o kiwi traz para a saúde, para que você possa entender por que esta fruta deve fazer parte da sua dieta diária.

Melhora do sono e do humor

O kiwi é rico em compostos como triptofano e vitamina B6, envolvidos na formação de serotonina, o hormônio do humor, e melatonina, o hormônio do sono. Assim como o café, estudos mostraram que o consumo regular de kiwis pode melhorar significativamente a qualidade do sono, o humor e, consequentemente, ter efeitos positivos na saúde mental.

Tem alto potencial antioxidante

Esse é um dos benefícios do kiwi para a saúde que merece destaque. Para resumir, o kiwi é uma fruta rica em nutrientes e compostos bioativos que possuem propriedades antioxidantes. Ou seja, esses antioxidantes ajudam a proteger nosso corpo contra danos causados pelos radicais livres, reduzindo o risco de desenvolver doenças crônicas, como o câncer e doenças inflamatórias. Além disso, as vitaminas C e E presentes no kiwi contribuem para a saúde das células e tecidos, melhorando a aparência da pele, unhas e cabelos, e fortalecendo o sistema imunológico.

O consumo regular de kiwi pode ajudar a combater os danos oxidativos e reduzir o risco de doenças crônicas. Por ser rico em antioxidantes e fibras, o kiwi também pode ajudar a diminuir o risco de câncer de cólon, protegendo o DNA contra danos endógenos. Certamente, incluir essa fruta na sua dieta pode ser uma maneira fácil e deliciosa de cuidar da sua saúde e bem-estar.

Melhora a visão

O consumo de kiwi pode ajudar a melhorar a visão graças à presença de carotenoides e vitamina C que atuam como antioxidantes e protegem contra os radicais livres e o estresse oxidativo.

Benefícios do kiwi para a saúde intestinal

O kiwi é uma fruta rica em fibras solúveis e insolúveis, que ajudam a regular a atividade intestinal. Além disso, a pectina presente no kiwi ajuda a absorver a água das fezes, hidratando-as e facilitando a evacuação, o que pode ser especialmente benéfico para quem sofre de constipação ou prisão de ventre.

Um estudo comprovou que o consumo de dois kiwis por dia durante quatro semanas ajudou a melhorar a consistência e frequência das fezes, além de diminuir o esforço durante as evacuações. Para resumir, isso significa que o kiwi pode ser uma boa opção para melhorar a saúde intestinal, especialmente para aqueles que sofrem de constipação crônica ou outras patologias que afetam o trânsito intestinal.

Ajuda no controle da glicemia

O kiwi é um ótimo aliado para o controle da glicemia, pois possui um baixo índice glicêmico, é rico em fibras solúveis que retardam a absorção dos carboidratos. Além disso, contém magnésio e vitamina B6, essenciais para o metabolismo adequado dos carboidratos.

Saúde do coração

O kiwi é uma fruta com propriedades benéficas para a saúde do coração. Consumir 2-3 kiwis por dia pode ajudar a reduzir fatores de risco como pressão alta, coágulos sanguíneos e colesterol alto. Além disso, o kiwi é rico em fibras, vitamina C e potássio, que ajudam a melhorar a permeabilidade das paredes capilares, reduzir a fragilidade e controlar a pressão arterial.

Estudos mostram que o consumo de kiwi pode aumentar o colesterol HDL (bom) e reduzir os triglicerídeos e agregação plaquetária, que podem levar à aterosclerose. Em um estudo, aqueles que comeram três kiwis por dia durante oito semanas tiveram pressão arterial mais baixa em comparação com aqueles que comeram uma maçã por dia. Em outro estudo, participantes que fumavam e consumiram três kiwis por dia também experimentaram reduções na pressão arterial e agregação plaquetária. Incluir kiwis em uma dieta saudável pode ajudar a apoiar a saúde do coração.

Promove a melhor absorção do ferro

O kiwi é uma ótima fonte de vitamina C e ferro, o que o torna um alimento antianêmico. A vitamina C presente no kiwi ajuda a aumentar a absorção do ferro no organismo, tornando-o mais biodisponível. Dessa forma, o consumo de kiwi pode ser uma ótima opção para melhorar a absorção de ferro de fontes vegetais, como feijões, ervilhas, lentilhas, soja e grão-de-bico.

Além disso, a combinação de ferro e vitamina C no kiwi também ajuda a prevenir a anemia ferropriva, um tipo de anemia causado pela deficiência de ferro no organismo. Portanto, incluir o kiwi na alimentação pode ser uma forma saudável e saborosa de melhorar a absorção de ferro e prevenir a anemia.

O kiwi ajuda no controle do colesterol

O consumo de kiwi pode ajudar no controle do colesterol, graças às suas fibras que diminuem a absorção de gordura, além da presença de compostos antioxidantes que previnem a oxidação das células de gordura e equilibram os níveis de colesterol no sangue.

Auxilia a regular pressão arterial

Entre os benefícios do kiwi para a saúde, destaca-se o auxílio na regulação da pressão arterial. Isso ocorre porque o kiwi é rico em potássio, um mineral que ajuda a relaxar as artérias, o que pode levar a uma redução da pressão sanguínea.

Além disso, o kiwi é uma fruta rica em água, o que ajuda o funcionamento dos rins, diminuindo a retenção de líquidos. Portanto, incluir o kiwi na dieta pode ser uma estratégia importante para a saúde cardiovascular e a prevenção da hipertensão.

Melhora a digestão de proteínas

O kiwi é uma fruta que contém uma enzima chamada actinidina, capaz de quebrar proteínas e melhorar a digestão. Ou seja, o consumo dessa fruta também pode ser benéfico para pessoas que experimentam sensação desagradável após refeições ricas em proteínas. A actinidina presente no kiwi facilita a digestão de proteínas, tornando a absorção de nutrientes mais eficiente. Além disso, é possível até mesmo utilizar o kiwi em receitas para amolecer a carne.

Benefícios do kiwi no emagrecimento

O kiwi é rico em fibras, que prolongam a sensação de saciedade e limitam a absorção de açúcares e gorduras, ajudando na perda de peso. Em outras palavras, para o ajudar a eliminar os quilos em excesso, o kiwi pode ser um grande aliado.

Ajuda a manter a saúde óssea

O kiwi contém nutrientes essenciais como cálcio, potássio, magnésio e vitamina K, que ajudam a manter a saúde óssea. Além disso, a vitamina C presente na fruta favorece a síntese de colágeno no tecido ósseo, prevenindo condições como a osteoporose.

Fortalecem o sistema imunológico

O kiwi é rico em vitamina C, o que fortalece o sistema imunológico, protegendo contra infecções e estimulando a formação de anticorpos. Além disso, essa fruta contém outros nutrientes importantes, como vitamina E, K, B6, B12, zinco, ácido fólico e fitoquímicos, que ajudam a prevenir doenças e a manter o corpo saudável. Em conclusão, estudos indicam que o consumo de kiwi pode reduzir a incidência e a gravidade de resfriados e sintomas semelhantes aos da gripe em grupos suscetíveis, como idosos e crianças.

Benefícios do kiwi para a o cabelo e a pele

O kiwi é um aliado poderoso para uma pele saudável graças à alta concentração de vitamina C, que combate os danos causados ​​pela exposição solar e poluição, relaxa e purifica a pele, reduz rugas e melhora a estrutura geral. Além disso, a vitamina C também é essencial na formação do colágeno, principal sistema de sustentação da pele. Da mesma forma, sua combinação de vitaminas e minerais promovem a circulação sanguínea e estimulam a queratina, tornando o cabelo mais vivo e brilhante.

Combate os sintomas da asma

O consumo regular de kiwis pode ser benéfico para pessoas que sofrem de asma, pois a alta concentração de vitamina C presente na fruta ajuda a proteger contra doenças respiratórias.

Maneiras de consumir o kiwi

O kiwi é uma fruta versátil e pode ser consumido de diversas formas em uma dieta variada e equilibrada para todas as idades. É possível consumi-lo picado no café da manhã, junto com iogurte e frutos secos, como lanche ou como sobremesa após as refeições. Ele pode ser consumido inteiro ou em diversas preparações, como batido, reduzido a mousse ou em saladas de frutas.

Para crianças, é possível cortar o kiwi ao meio e saboreá-lo com uma colher de sobremesa ou utilizá-lo como base para a preparação de um sorvete caseiro. Contudo, é importante estar atento à enzima actinidina presente na fruta, que pode torná-la um possível alimento alergênico. Em outras palavras, pessoas alérgicas à enzima devem evitar o consumo de kiwi ou experimentá-lo em pequenas quantidades antes de consumi-lo inteiro para evitar qualquer risco de alergia.

Em resumo, o kiwi pode ser um aliado na dieta devido à sua versatilidade e propriedades nutricionais. É importante incluí-lo em uma alimentação variada e equilibrada, tendo cuidado com a enzima actinidina em caso de alergia. Experimente diferentes formas de consumir o kiwi e aproveite seus benefícios para a saúde.

Quantos kiwis se pode comer por dia?

Para aproveitar os benefícios ​​do kiwi, é recomendável consumir duas frutas por dia. Essa quantidade corresponde a uma porção diária e ajuda na digestão e na desnaturação de proteínas, além de fornecer inúmeras vitaminas e minerais. No entanto, pessoas com diverticulose devem evitar consumir kiwis, pois suas sementes pequenas podem facilitar o aparecimento de inflamação.

Considerações finais sobre os benefícios do kiwi para a saúde

Em conclusão, podemos afirmar que os benefícios do kiwi para a saúde são diversos e comprovados. Desde melhorias na digestão até a proteção contra doenças cardiovasculares e respiratórias, essa fruta é uma opção saudável e deliciosa para incluir em nossa dieta diária.

Além disso, o kiwi é uma fonte rica de vitaminas, minerais e antioxidantes, o que o torna um aliado para a manutenção da nossa saúde e bem-estar. Sua versatilidade na cozinha também permite diversas formas de consumo, desde inteiro até em preparações culinárias.

Por fim, incluir o kiwi na nossa alimentação é uma escolha inteligente para quem busca uma dieta saudável e equilibrada, repleta de nutrientes e sabores. Não perca a oportunidade de experimentar essa fruta deliciosa e aproveitar todos os seus benefícios para a saúde.

E você, já incluiu o kiwi em sua dieta? Deixe o seu comentário abaixo…

Saty Jardim:

O texto acima é de inteira responsabilidade de Saty Jardim, não expressando necessariamente a opinião do Portal do Rancho.

Deixe o Seu Comentário:

quatro × 4 =